Bitcoin – O que é e o que é preciso saber antes de investir na moeda virtual

A recente alta da moeda virtual bitcoin, que ultrapassou os US$ 7.000 pela primeira vez, tem chamado a atenção de investidores de todo mundo.

Mas, afinal, você conhece a moeda suficientemente para investir nela?

O que é o Bitcoin?

O Bitcoin é uma moeda virtual que utiliza tecnologia descentralizada para realização de pagamentos seguros e o armazenamento de dinheiro sem a necessidade de intermediários – ou seja, sem bancos!

Os bitcoins, ao contrário dos reais e dólares, não podem ser impressos por um Banco Central. Por ser um código, o Bitcoin é criado (minado) de forma digital, sendo produzido por uma comunidade, no qual qualquer um pode participar.

Baseado em matemática, apenas 21 milhões de bitcoins podem ser produzidos por “mineiros”. Dessa forma, em todo mundo, pessoas usam programas de software que seguem a fórmula matemática para produzir a moeda virtual.

Outras formas de conseguir a moeda são: comprando ou ganhando de alguém que a possua.

Como o Bitcoin surgiu?

A história do Bitcoin começou em 2008, com a publicação de um artigo escrito por Satoshi Nakamotopseudônimo utilizado pelo criador ou criadores do conceito Bitcoin – descrevendo com detalhes os métodos de utilização de uma rede de pagamento peer to peer (P2P).

Em janeiro de 2009, a rede Bitcoin surge com o lançamento do primeiro cliente Bitcoin de código aberto e a emissão das primeiras moedas. Satoshi Nakamoto extraiu o primeiro bloco, obtendo 50 bitcoins.  Estima-se que, nos primeiros dias, Nakamoto tenha minado 1 milhão de bitcoins.

O valor das primeiras transações utilizando as moedas virtuais foi negociado por indivíduos presentes nos fóruns BitcoinTalk. Um exemplo disso foi a transação notável de 10 mil bitcoins para a compra de uma pizza.

Vale a pena investir em Bitcoin?

Com tudo o que foi falado, não é surpresa que a moeda virtual tenha despertado o interesse dos investidores.

Afinal, o Bitcoin está aberto a todos e oferece uma oportunidade emocionante de investir em algo totalmente novo.

Por serem escassos e úteis, os bitcoins são valiosos. Como há uma quantidade limitada, à medida que novas moedas são minadas, restam cada vez menos bitcoins, tornando-se mais difícil e mais caro encontrar.

Não existe um valor oficial para a moeda. O preço do bitcoin é definido por quem quer vender e por quem está disposto a pagar. No entanto, é possível comprar menos de um bitcoin (partes da moeda).

Como toda aplicação de risco, investir no Bitcoin não é brincadeira, e assegurar seu investimento deve ser sua principal prioridade. Por isso, é necessário comprometimento por parte do investidor.

Caso esteja interessado em investir na criptomoeda, tome tempo para entender o que é e como funciona o Bitcoin, como proteger suas moedas e, principalmente, como a moeda digital difere da moeda tradicional.

Dessa forma, você ganhará segurança suficiente para investimentos tão novos e arrojados como esse.